TCU autoriza Inep a convocar nova gráfica para imprimir provas do Enem 2019 | Enem 2019 – G1

TCU autoriza Inep a convocar nova gráfica para imprimir provas do Enem 2019 | Enem 2019 – G1

O Tribunal de Contas da União (TCU) autorizou na quarta-feira (24) que o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) convoque uma nova empresa para imprimir o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019. A RR Donnelley, antiga prestadora do serviço, decretou falência.

A relatora Ana Arraes determinou que o Inep teria duas opções: abrir uma nova licitação (ou seja, iniciar um processo de seleção de uma gráfica) ou convocar a Valid S.A., que foi a segunda colocada na licitação de 2016.

O Inep alega que, como o Enem será aplicado em novembro, não haveria tempo hábil para iniciar outra seleção. Segundo o órgão, o trabalho da gráfica deve começar no mesmo período das inscrições para o exame, de 6 a 17 de maio. Diante do prazo apertado, a solução escolhida foi não abrir uma nova licitação, e sim optar pela Valid.

De acordo com a legislação, o novo contrato deve seguir as mesmas condições propostas pela RR Donnelley. O TCU também determina que o Inep comprove que seria inviável abrir uma nova licitação.

“Caso o instituto opte por contratar a próxima colocada, deverá cercar-se das justificativas que demonstrem a vantagem dessa escolha em detrimento da não realização de uma nova seleção”, afirma o acórdão do TCU.

O Inep diz que adotou as medidas necessárias para garantir a segurança e a aplicação da prova.

Abaixo, confira a nota do instituto:

“O Inep avaliou alternativas seguras, dentro da legislação vigente, para que não houvesse intercorrências na edição do Enem 2019. Não houve a realização de pregão para a impressão das provas do Enem 2019. Em face da decretação de falência da empresa que era detentora do contrato para a impressão das provas do Enem 2019, o Inep adotou as medidas necessárias para garantir a impressão das provas, tudo em estrita conformidade com os ditames estabelecidos na Lei nº 8.666/93”, afirma a nota.

  • Pedido de atendimento especial: 6 a 17 de maio
  • Pedido de uso de nome social: 20 a 24 de maio
  • Pagamento da taxa de inscrição: 6 a 23 de maio
  • Inscrições: 6 a 17 de maio (para todos os candidatos, isentos ou não)
  • Provas: 3 e 10 de novembro
  • Gabarito: 13 de novembro
  • Resultado individual: janeiro de 2020

Fonte Oficial: G1.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Notícias do Enem.

Comentários

Você talvez goste também de

Tribunal autoriza contratação de gráfica para Enem – 25/04/2019 – UOL

O Tribunal de Contas da União (TCU) autorizou